onkeydown='return false'onselectstart='return false'

SOCIAL MEDIA

Translate - Traduzir

28 junho 2018

Produtos para cuidados com a pele que estou usando - HISTÓRIA DA ACNE



Para quem acompanha ou para quem caiu nesta postagem de paraquedas, estou compartilhando minha história com a Acne que começou agora adulta. Você pode conferir a história clicando aqui.



Eu sempre gostei bastante de cuidar da pele, desde novinha usava os produtos de rosto da minha mãe e ficava horas em frente ao espelho usando aquelas máscaras de tirar cravos sabe? Da avon, acho. Sempre gostei, e quando cresci não foi diferente. Nunca tive problemas com espinhas ou cravos, passei por toda uma adolescência sem passar por esse drama que vivem a maioria dos adolescentes. Pois bem, foi assim até meus 25 anos. A seguir, uma imagem do antes e agora (durante) dessa minha "nova fase" e logo em seguida, falo mais um pouco sobre os produtos.


Vocês devem imaginar quantos produtos eu tenho utilizado, pois bem. Estou usando unicamente um sabonete para a limpeza da pele, o Effaclar, da La Roche Posay. Ele é um gel concentrado de limpeza facial, a embalagem atual dele é uma azul, este eu comprei na Argentina, e ele rende tanto  (por ser bem concentrado) que uso diariamente e estou com ele há 8 meses. Nesse tempo, usei sabonete da mesma marca, porém estacionei apenas no gel por indicação médica. 
  • Ele limpa profundamente a pele, controla a oleosidade de forma duradoura, possui eficácia antiacne e desobstrui os poros profundamente.
Custa em torno de R$ 40 a 70 reais, vai depender do tamanho. Ele deixa a pele completamente limpa e livre da oleosidade.


O segundo produto que vou falar, é o protetor solar facial com COR da Vichy, ele possui toque seco. Inicialmente provei um da La Roche Posay, porém a aparência dele é de um rosto totalmente brilhante, com aspecto de oleosidade. Este da Vichy porém, tem este mesmo "efeito", apenas um pouco mais seco, porém ainda com esse aspecto que não me agrada. Ele possui uma boa cobertura, deixa a pele uniforme e com tom de base. Precisa estar bem protegida principalmente pelo uso do ácido. Aderi a este protetor desde que comecei o uso do ácido. Vichy Capital Soleil fator 50 de proteção, apesar de prometer um controle do brilho, ele possui ainda esse aspecto de pele brilhosa. Recentemente foi lançado um da La Roche para peles oleosas, que será meu próximo teste. Esses com cores é uma ótima saída quando precisamos abrir mão da maquiagem e disfarçar o vermelho das manchas de acne e demais manchas.

Custa em torno de: R$ 60,00.

O ácido que estou usando no tratamento atual é o EPIDUO (se você viu a postagem inicial da história, eu comecei pelo VITANOL-A, ao qual não dei andamento). O Epiduo é indicado para tratamento da Acne Vulgar, ele melhora as lesões inflamatórias e não inflamatórias, necessita-se de um tempo entre 1 a 4 semanas para observar  os sinais de melhora. Uso durante a noite, antes de dormir, e removo pela manhã lavando com o gel de limpeza da La Roche Posay, o effaclar.

Custa em torno de: R$ 100,00.
E em relação a maquiagem?


Eu suspendi a maquiagem completamente por 1 mês e usei apenas protetor, não vi diferença alguma enquanto usava maquiagem, então voltei a usar, principalmente quando quero cobrir as espinhas, uso protetor, base e corretivo praticamente todos os dias, exceto alguns domingos. Removo com demaquilante e também costumo limpar com água micelar para garantir que não tenha nenhum resíduo, porém sempre está limpinha a pele.
Vamos a um ponto importantíssimo: Antes deste demaquilante bifásico da Catharine Hill, estava usando um da Dailus, que dava o aspecto de óleo mas que a pele absorvia e ficava "sequinha". Foi minha impressão, porém o meu rosto estava cada dia mais oleoso, eu chegava ao fim do dia e meu rosto era APENAS óleo. Quando realizei a troca do demaquilante me surpreendi, atualmente estou com um rosto super sequinho, zero de oleosidade, e tenho absoluta certeza que a troca de demaquilante foi o ponto chave dessa oleosidade.
O demaquilante bifásico da Catharine Hill não tem aspecto oleoso, quando você aplica parece que está aplicando água normal, assim como a água micelar da mesma marca.
Ele é feito para uso em qualquer tipo de pele, ele possui duas fases que garantem hidratação e emoliência para remover a maquiagem.

Custa em torno de: R$ 50,00.

Por fim, a Água Micelar da Catharine Hill, também uso para limpar a pele e dar aquela hidratada. Ela apresenta agentes de limpeza que atraem e absorverem suavemente as impurezas da pele. Contém exato de aloe vera que atua como calmente e PCA NA que é umectante e auxilia na hidratação, ótima para peles mistas e oleosas.

Custa em torno de: R$ 46,00.


A primeira foto foi quando estavam bem inflamadas, a outra já é mais atual com 16 dias de uso do ácido tópico epiduo e o medicamento oral (azitromicina em intervalos). Não tenho certeza se ambas são o mesmo lado do rosto, porém é só para mostrar como estão secando aos pouquinhos, até porque não influi, ambos os lados estão cheias de espinhas enormes. O processo é lento, mas aos pouquinhos vejo resultado, porém o medo é que ao fim do tratamento volte a piorar NOVAMENTE como aconteceu antes.
Enfim, logo mais atualizo a outra postagem com a história da acne e vamos ver no que vai dar. Beijos e até mais :*

VIDEO RESUMÃO DE TODA MINHA HISTÓRIA DA ACNE ATÉ O MOMENTO:



Comente com o Facebook:

Postar um comentário